BH – Sabará – Caeté

Você que esta procurando, uma rota curta, para começar a Navegar nas Estradas.

Ou você, que já é um Navegante experiente,  mas quer fazer um passeio, para curtir a vida.

 Então vamos nessa.

Saindo de BH, siga sentido a cidade de Sabará pela BR- 262, por (20km) aproximadamente, a estrada esta em péssima conservação, com muitos desníveis no asfalto,  porém, como o trecho possui radares de 40 km por hora, você é obrigado a ir devagar, para navegar com segurança.

Sabará é uma cidade histórica, com 300 anos de idade, que faz parte da Estrada Real, Caminho do Ouro.

Sabará carrega muita história, principalmente no centro da cidade com as suas ruas de predas, os seus casarões, igrejas, museus e a culinária.

Eu amo visitar esta cidade, ela é pequena, mais de forte presença.

A menininha dos meus olhos.

Até a pandemia chegar, Sabará mantinha diversos festivais culturais, festas tradicionais como o Congado,  festival da jabuticaba pretinha e do Oro Pro Nobis.

Já comeu?

Deveria.

Saindo do centro histórico de Sabará, siga como um bom Navegante,  pelas margens do Ribeirão, chamado intimamente, por nos mineiros, do Rio das Velhas, siga todo o seu fluxo sentido a nascente, que esta localizada na Serra da Piedade.

Não tem com se perder, no final do rio, a vista dos seus olhos, mantenha a sua esquerda e logo estará no inicio da Serra de Caeté.

Você ira percorrer aproximadamente (30km) de serra, com curvas sinuosas, pista simples, asfalto bem conservado e com pouco transito de veículos.

Mas fique atento , mantenha a sua manobra  fechada, porque os carros acabam invadindo a contra mão nas curvas cotovelo.

É uma rota de dificuldade razoável para quem esta começando e quer treinar curvas, super indico, mas para quem, já  tem mais domínio é so curtir.

Tenho certeza, de que no final do serra, você vai pedir mais.

Chegando em Caeté conheça a cidade, é uma tradicional cidade do interior, que vivenciou uma importante parte da história, a Guerra dos Emboabas, a cidade tem como plano de  fundo  a magnifica Serra da Piedade.

No momento em que eu escrevo este post, a visitação ao Santuário Basílica Nossa Senhora da Piedade, situada no alto da Serra da Piedade, esta com restrições de isolamento devido a Covid 19, é preciso fazer a reserva com antecedência para visita-la, mas caso não consiga desta vez, meu amigo, não deixe de fazer esta rota, subindo até a Serra da Piedade, em um outro momento, quando acabar a pandemia.

Enquanto isso, sugiro que tome um cafezinho com pão de queijo, e observe a vida na cidade, com a calma de um morador e aproveite para dar aquela esticadinha.

Almoce em Pompeu, volte para Serra de Caeté, sentido Sabará, siga por (13km) até a entrada sinalizada, a sua a direita na estrada para Pompeu,  lá você terá varias opções de restaurantes com comida mineira no fogão a lenha.

 

Eu super indico o restaurante Ouro Verde, a comida é muito saborosa e o atendimento de muita qualidade.  @Ouroverde

So não exagere, lembre-se que você vai precisar voltar, para o seu destino final.

E antes que chegue aquela lombeira pois almoço, com a barriguinha cheia, finalize a descida da serra e siga sentido a BH.

Este caminho vai se tornar mais um dos seus queridinhos.

O mundo é muito maior viajando de moto. 

E quem vê o mundo não disvê.

2 Replies to “BH – Sabará – Caeté”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *